Ler contos eroticos

Compartilhe
Favoritos | Feeds

Submissão

Postado 21/10/2011 em Sadomasoquismo

Me chamo Suzana,tenho 20 anos,pele branca,seios fartos,bumbum durinho,isso que vou relatar se passou no ano de 2009 quando tinha recém completado 18 anos..
Em plena terça-feira de manha recebo uma mensagem em meu celular,dizendo-me -
"tens duas horas e meia para se arrumar para mim,vá ate seu computador e abra o ultimo e-mail que lhe mandei,encontrará instruções."
Fui ate me computador e ao chegar la encontro um e-mail com o assunto "para me servir",abri o e-mail e nele tinha instruções de que eu deveria fazer,e de onde ele me encontraria:
"Escrava,quero que esteja limpa,tome banho,lave os cabelos e deixe os secar naturalmente,coloque a menor calcinha que tiver,não importa a cor,mas que seja a menor,calça jeans e um blusa discreta,nada de sutiã,salto alto, e muito bem maquiada,esteja sem nada de acessórios,estarei esperando em 2h.Não se atrase! (...) " [parte do e-mail que meu SENHOR me mandou]
Meu coração estava acelerado,batia tão forte que podia senti-lo na minha boca,estava nervosa e apreensiva,tomei um banho de mais ou menos 20 mim,me arrumei e fui ao encontro de meu AMO,ao chagar no local combinado,vejo um carro preto vindo em minha direção,quando chega perto e abaixa o vidro vejo que é meu SENHOR,entro no carro e olho para ele sorrindo,nem bem me sentei no banco ainda e ja levo um belo de um tapa no rosto - "JA AVISEI QUE NUNCA DEVE OLHAR EM MEUS OLHOS,APENAS QUANDO EU MANDAR"
fiquei calada,abaixei a cabeça e seguimos ate de fazenda,uma casa afastadameu SENHOR me puchou pelos cabelos e disse "-NÃO SAIA DAI,JA VOLTO",fiquei sozinha por alguns intantes e completamente assustada,mal o encontrei e logo ja recebi um belo tapão,não esperava isso para meu primeiro encontro.Logo em seguida meu DONO volta trazendo uma coleira preta com as seguintes inicias Sr:FMR(abreveatura do nome dele),coloca em meu pescoço,aquilo me sufocava e parecia ter alguma coisa que me pinicava reclamei e levei outro bofetão"-CALADA VADIA,SO ABRE A BOCA QUANDO EU MANDAR!"fiquei muda e comecei a chorar,ele então me tirou do carro me puxando pela guia da coleira"-VAMOS FIQUE DE QUATRO,CADELAS ANDAM DE QUATRO E ABANAM O RABINHO PARA SEU DONO."começo a me puxar quando finalmente chegamos no quarto ele tirou a guia da coleira e me empurrou prara o chão "-FIQUE CALADA E DE JOELHOS,SE ABRIR A BOCA APANHA,TENHO MUITOS PLANOS PARA VOCÊ..."sentou-se a beira da cama e começou a acariciar meu rosto,meus braços,meus seios,me atrevi a olhar na direção dele e la vem outro tapão,so que dessa vez muito mais forte,senti algo quente escorrer no canto da minha boca,coloquei a mão e era sangue,me apavorei e num ato involuntario me lentei comecei a gritar e fui correndo em direção a porta que estava trancada,comecei a bater e grita,quando meu SENHOR vem em minha direção e me pega pelos cabelos"-GRITA VAGABUNDA GRITA,NINGUEM PODE OUVI-LA,SOFRE-RA NA PELE,POR TER SE LEVANTADO SEM MINHA ORDEM,AGORA VERÁ O QUE É SER UMA VADIA."
comecei a chorar e implorar para que me perdoa-se e me soltasse,que me deixasse ir embora,me levou pelo braço ate uma sala que tinha dentro do quarto,com chicotes mesas,vibradores,e pegou um mordaça co uma bola,e enfiou em minha boca,senti meu maxilar estralar"-JA QUE NÃO FECHE ESSA BOCA EU FECHAREI PRA VOCÊ VAGABA"em seguida me amarrou em um tipo de X com as pernas e braços bem abertos,me deixou naquela posição por pelo menos uns 30 mim,em seguida senti somente uma ardencia na coxa,outra e outra,era ele me batendo com um tipo de vara,'-ISSO VADIA VAIS APANHAR PARA APRENDER A ME RESPEITAR E A NÃO ME DESOBEDEÇER"estou chorando e me babando com aquele treco na minha boca,quando ele tira a mordaça meu queixo esta dolorido,imploro para que ele pare''- por favor não aguenbto mais apanhar,farei o que o SENHOR quiser mas chega não aguento mais,me desculpa."
"-ISSO CADELA,IMPLORA POR PIEDADE PARA SEU DONO,IMPLORA VADIA,POIS AINDA NÃO CONHECEU MINHA IRA,E É MELHOR NÃO PROVOCA-LA" ao mesmo tempo que ia falando ia me soltando,quando ele terminou de me soltar cai no chão,não aguentava meus braços doian muito,quando menos esperei ele abaixou e me deu um beijo na testa''- LEVANTE-SE E VENHA ATE A CAMA,QUERO VER O QUE MINHA PUTA SABE FAZER COM ESSA BOCA CARNUDA."me dirigi ate a cama onde ele estava sentado,abri o siper da calça e puxei para fora um casete gigante e grosso,nunca tinha visto algo tão grosso e grande quando o dele,mal cadia na minha boca,comecei a chupar ele bem devagar alternava chupadas e lambidas"-VEJO QUE MINHA CADELA SABE MAMAR MUITO BEM,CHUPA,VAMOS CHUPA O PAU DO SEU AMO"chupava muito queria agradar ele para que me soltasse logo doce imaginação minha,derrepente sinto aquele jato quente de porra dentro da minha boca,tirei seu pau da minha boca efiz ansea,ele rapidamente segurou meu rosto"-NEM TENTA,SE FIZER ISSO,CONHECE-RA MINHA FURIA E PRO SEU BEM É BOM QUE NÃO QUERA ISSO."inguli aquele liquido grosso e quente senti que ia vomitar e mais uma vez tive nausea"-SE VOMITAR VAO LIMPAR SEU VOMITO COM A LINGUA."engoli e respirei fundo,baxei a cabeça e fiquei um tempo imovel enquanto meu SENHOR me observava"-ÉS TÃO LINDA MINHA SUB,TENS OS OLHOS COMO DUAS SAFIRAS,MINHAS SAFIRAS,OLHE PARA MIM,VA TOMAR UM BANHO COLOQUE A ROUPA QUE ESTA ENCIMA DA BANHEIRA E ME AGUARDE LA!"
Continua ....


Tags: sadomasoquismo contos eroticos ler contos eróticos contos eróticos de sadomasoquismo contos de sadomasoquismo ler contos eróticos de sadomasoquismo ler contos eroticos de saodomasoquismo

categorias