Ler Contos Eroticos » Heterosexuais » Fui comida pelo policial gostoso na festa

Fui comida pelo policial gostoso na festa

  • 6 de novembro de 2018
  • 25 views

Sou a Yana, adoro uma festa e gosto de tomar uns drinques pra curtir, isso já me meteu em algumas confusões. Tenho 23 anos, morena, olhos cor de mel, bunda grande, seios médios, barriga chapadinha, 55 quilos, 1,65 de altura.

Sou carioca, curto uma praia e adoro paquerar. Namorei vários anos mas acabei sendo chifrada e depois disso resolvi que só ia curtir a vida sem levar homem nenhum a sério.

Um dia umas amigas me chamaram para uma festa perto da praia, começava no início da tarde e ia até acabar a bebida, coisa que geralmente só acontece no dia seguinte de manhã.

Eu sempre dou PT, encho a cara e começo a dançar funk até o chão, adoro ver um macho atrás de mim babando, sempre curti provocar.

A festa tava animada, conheci um cara muito gostoso, a gente trocou uma ideia e logo estava aos beijos com ele, ficamos na maior putaria num cantinho da festa, ele me beijando gostoso, passando a mão na minha bunda e deixando minha calcinha toda molhada.

Ele tinha me chamado pra ir para um lugarzinho mais reservado, mas eu bebi demais e acabou me dando o maior sono e fui tirar um cochilo na casa pra depois levantar e voltar a curtir. Acordei a noitinha, a festa ainda tava bem animada eu chego no meio da galera e vejo o meu peguete agarrando uma morena. O sangue ferveu, eu comecei a beber, dançar e provocar outros caras.

De repente uma viatura da polícia para aqui na porta e desce um policial gostoso, moreno, alto, forte, olhos puxadinhos, todo sério e reclama do barulho, pede para abaixar o som e começa a conversar com o dono da festa.

Eu fiquei louca por esse PM, gostoso pra caralho, já fui saíndo da casa e perguntei o nome dele. Ele sorriu e disse que era Breno. Perguntei que horas ele sairia do serviço, ele disse que aquela era a última ocorrência dele. Perguntei se rolava carona. Ele disse que ia se complicar, então eu passei meu whats pra ele e pedi pra ele falar comigo quando saísse dali.

Sei que isso foi bem coisa de puta, mas me deu muito tesão esse homem, nunca tinha visto um policial tão gostoso e acabei ficando louca.

Ele sorriu, me deixou mais louca ainda. Fui de volta pra festa, demorou mais ou menos uns 40 minutos. Recebi uma mensagem dele, querendo encontrar comigo. Ele mandou eu encontrar ele na esquina, me chamou e foi uma delícia sentir aquele homem tesudo interessado em mim. Fui encontrar com ele, já tava sem o uniforme, de óculos escuros, cheiroso, com seus músculos definidos na blusa e uma calça jeans bem apertadinha que marcava seu pau.

Ele me convidou para ir num barzinho, mas eu já tinha bebido tanto e tava tão cara de pau que eu disse:

Chamei logo pra ir no motel comer minha bucetinha

-Que barzinho nada, me leva para o motel, tô com vontade de dar uma trepada bem gostosa.

-Caralho gata, curti a sinceridade, vamos então, conheço um motelzinho show.

A gente foi num motel gostoso e o homem é bem taradão, já foi tirando minha roupa toda, até rasgou minha blusa, me beijou na boca bem gostoso, me levantou no colo e começou a apertar minha bunda enquanto beijava meus seios, mordia, chupava, lambia. Eu tava toda arrepiada, era gostoso demais.

Eu gemia e mordia a orelha dele. O homem é todo grandão e quando botou o pau pra fora quase cai dura. Ele me jogou na cama, continuou me beijando gostoso, abriu minhas pernas com brutalidade e jogou aquele corpo gostoso e peludo em cima de mim. Ele começou a meter a pica e tirava e botava gostoso até seu saco bater com força na portinha da minha xaninha.

Eu só conseguia gemer de prazer, fiquei louca, comecei a rebolar gostoso embaixo dele, gemia, mordia ele inteiro, tava muito excitada.

Eu fiquei doidinha de vontade de dar pra ele, gemi feito louca, gritei, pedi mais, minha buceta já tava toda assada e eu queria que ele me comesse de quatro que é minha posição favorita.

-Me pega de quatro vai, fode minha buceta bem gostoso com esse pauzão.

-Adoro fuder de quatro, vem cá putinha.

Ele deu um puxão em mim de quatro, encaixou seu pau na minha bucetinha e começou a meter bem gostoso, me arrombando inteira, me deixando toda arregaçada de tanto prazer.

-Ai, você fode tão gostoso, mete com força vai, me fode.

-Quero provar esse teu cuzinho apertado, tá piscando pela minha pica né?

Empinei gostoso, ele deu uma cuspida na cabeça do pau e começou a bombar gostoso no meu cuzinho, socando forte, me chamando de puta, de safada, puxando meus cabelos com força.

-Aiiiiii, que delícia, me come assim, aiiiiiiiiii que gostoso, ai meu cuzinho, isso…

Ele bombou gostoso, não demorou, comecei a me masturbar junto e senti que ia gozar só naquele anal gostoso.

-Aiii, vou gozar, mete gostoso, tô quase.

-Caralho, vou gozar também, que cu gostoso, huuum, que apertadinho, delícia.

A gente continuou metendo e quase gozamos juntos, foi delicioso tomar um banho de porra bem no meu rabinho. Tava toda assada e maravilhada de tanto fuder com aquele macho delicioso. Foi uma loucura que valeu muito a pena.

festa

Contos relacionados

© 2018 - Ler Contos Eroticos
Xvideos - Porno Gratis - Videos de Sexo - Videos pornográficos Xvideo Porno - Xvideos Pornor - - x videos - xxx - Filme Pornô - xvideo - Porno nacional - Videos de Incesto - Novinhas Gostosas