Contos Eróticos: Histórias Reais de Sexo, Contos Pornô » Contos de Sexo » Transa boa foda com professora do meu filho

Transa boa foda com professora do meu filho

  • 25 de julho de 2019
  • 9884 views
3 votes

Moro numa cidade do interior de São Paulo e meu filho tem uma professora, que é um tesão de mulher.

Ela é loirinha, tem 25 anos mas parece ter uns 18, carinha de delicadinha, magrinha, bundinha bonita, seios pequenos bem empinadinhos.

Ela faz mais o tipo magrinha bem feitinha. Tem olhos verdes, pele branquinha e desde o primeiro dia que encontrei com ela, eu fiquei viajando na beleza dessa mulher.

Se ela desse aula para alunos mais velhos, com certeza a galera não ia se aguentar e rolaria altas bronhas em homenagem a essa gata.

Bom, meu filho estuda onde eu também estudei. Eu e minha mulher temos uma rotina muito puxada, e com o tempo e depois do nascimento do nosso filho o sexo foi ficando cada vez mais escasso.

Minha mulher sempre chegava cansada e os obstáculos que ela começou a colocar para não transar, começaram a me deixar bem desanimado.

Será que eu sou corno? Isso é outra história…

Pra completar, comecei a desconfiar que minha mulher tava me traindo, por causa de umas conversas no telefone tarde da noite, aquele sorriso animado que ela me dava quando a gente começou a namorar, as atitudes dela eram iguais.

Eu não tinha como provar nada, então fiquei mal e no meu canto.

Comecei a me sentir o maior corno, mas não queria passar nada disso para meu filho, mesmo assim fiquei tão abalado que acabei não dando tanta atenção pra ele e minha mulher que só vivia fora por conta do trabalho, passou a voltar cada vez mais tarde pra casa.

Um dia a professora do meu filho me mandou um bilhete pedindo pra conversar comigo depois da aula dele.

Fui buscar meu filho e fui até a sala dela. Não foi nenhum sacrifício pra mim, A mulher é tão linda que dá gosto até ficar olhando pra ela.

Ela falou que meu filho andava mais quietinho, parecendo triste e perguntou se tava tudo bem.

Eu mal conhecia ela, mas por algum motivo resolvi me abrir e disse que as coisas não andavam boas em casa, que estava rolando uns problemas familiares.

Ela lamentou mas disse que eu e minha esposa precisávamos conversar mais com ele e tudo mais. Eu entendi de verdade o que ela falava e ouvir ela falando era música.

Fiquei pensando que com uma voz linda como a dela, na cama gemendo deve ser uma delícia.

Pedi o telefone dela com a desculpa de saber do comportamento do meu filho.

Passei a mandar mensagem pra ela uma vez por semana, comecei a dar mais atenção pro meu guri, então ele foi ficando animado como antes.

Aos poucos fiquei “amigo” da professora, mandava coisas engraçadas, puxava papo e ela correspondia.

Chegou num nível que comecei a contar a real aqui de casa e ela falou do namorado dela que sempre chifrava e ela perdoava. Com isso a gente começou a sair, ir em barzinho, ela sempre com medo de ser vista com pai de aluno e tudo mais e como vi que ela não ficava a vontade, chamei ela pra conversar em um hotel.

A gente ficou no maior clima tenso, os dois queriam mas nenhum tava com coragem.

De repente ela levantou da cama, ela tava com um vestidinho floral bem soltinho e acima das coxas.

Ela se abaixou pra tirar a sandália e pude ver sua calcinha dentro do cu.

Fiquei louco de tesão, cheguei perto dela sem me aguentar de tesão e fiquei louco quando cheguei pertinho e senti o calor que vinha do seu corpo.

Encostei nela, ela deu uma empinadinha na bunda e começou a dançar no meu pau.

Ela ficou bem safadinha, com aquela carinha de tímida ela até enganava quem quisesse.

A gente ficou ali, ela roçava e cada vez mais meu pau ia crescendo, ficando mais grosso e latejando muito de tesão, quando ela levantou o vestido pra aumentar o contato do meu pau nela, eu fiquei louco, comecei a sentir a cabeça do meu pau doendo de tanto tesão.

Ela tava doidinha, começou a me provocar cada vez mais, tirou o vestido, o sutiã e foi caminhando até a cama bem sensual, quando chegou lá, a safada ficou de quatro toda empinada na cama, me olhou e chamou sorrindo sensual pra mim.

Fui até ela comecei a brincar com a cabeça da minha vara na entrada da sua buceta molhada.

Ela tava feito doida gemendo gostoso quando sentiu a cabecinha no seu grelo.

Comecei a roçar mais, com mais força e ela gemeu gostosinho, até que não aguentei e enfiei meu caralho bem fundo na sua buceta, meti gostoso mesmo, ela começou a rebolar e gemer toda safada com meu caralho lá dentro, e eu doidinho por ela, uma buceta tão apertada, esfolava meu pau todo e aumentava muito meu prazer e o dela.

-Sua pica é tão grossa!

-É sua buceta que é bem apertadinha e muito gostosa.

-Quero você me comendo bem gostoso, pode meter com força que eu gosto.

Comecei a aumentar o ritmo, soquei com força na buceta dela, ouvindo o barulho alto que fazia, misturado aos gemidos dela, toda hora gritando e pedindo pra eu meter com força na buceta, a bucetinha dela já tava toda assada de tanto eu meter e ela só pedindo mais. Deixei um buraco bem largo e isso me deu muito mais tesão, ver ela toda meladinha e arrombada pelo meu cacete grosso de 22 centímetros.

-Aiiii, doi mas é tão gostoso, bate bem no fundo do meu útero!

-Tá gostando, putinha? tô cheio de tesão por você, que delícia de bucetinha.

Ficamos ali trocando palavras bem safadas e metendo gostoso, ela rebolando, até que mudamos de posição, ela sentou no meu colo e pude chupar seus peitos todinhos enquanto ela subia e descia na minha vara.

Não aguentei por muito tempo, sabia que ia gozar, então pedi pra ela empinar de novo, queria gozar dentro do seu cuzinho gostoso.

Vi que o cu dela era bem apertado, deu o maior trabalho para entrar, mas quando entrou, puta merda! que tesão, foi aí que não segurei muito tempo mesmo, umas dez bombadas e gozei gostoso pra caralho naquele rabo.

Foi uma delícia, me senti realizado fudendo aquela putinha e continuei por um bom tempo…

Minha Mulher me trocou por uma amante

Sobre a Traição da minha mulher, descobri que ela tava fudendo com uma amiga dela, bem gostosa por sinal, então deixei pra lá, afinal de contas bom gosto ela tem.



Leia Contos eroticos relacionados

12 comentários para “Transa boa foda com professora do meu filho

  1. Stefany • 21 de janeiro de 2020

    Caralho, fiquei com tesão lendo esse conto e morrendo de curiosidade de ver como é seu pau!!

  2. Binho • 5 de fevereiro de 2020

    Deixa eu te mostrar o meu stefany

  3. fofa • 19 de fevereiro de 2020

    nossa mim toquei quando li o seu conto gozei gostoso hum.

    • Morena • 15 de abril de 2020

      Nossa gozei gostoso lendo esse conto que tesão

    • Discreto • 6 de julho de 2020

      Delícia..faz contato aqui

  4. Eu • 20 de fevereiro de 2020

    Que puta tesão e vontade de ver esse pau

    • V. • 22 de abril de 2020

      Boa tarde estou a disposição de qualquer mulher que esteja afim de meter.

  5. Gostosa • 8 de março de 2020

    Tô molhadinha aqui quero transar

    • Jr. • 19 de junho de 2020

      Sou todinho seu

  6. Moreno • 24 de março de 2020

    Véi, tesão do caralho. Morro de vontade de foder com alguma professora

  7. B. • 6 de setembro de 2020

    Bati uma siririca gostosa lendo esse conto, que delícia

Deixe seu comentário

Ler Contos Eróticos Reais Grátis.
© 2011 - 2020 - Contos Eróticos: Histórias Reais de Sexo, Contos Pornô

porno - contos eroticos - contos eróticos - quadrinhos eroticos - xvideos - Filmes Porno - Porno Brasileiro

error: