Chupando a bucetinha de duas novinhas

  • 24 de agosto de 2021
  • 77 views
0 votes

Olá! Tenho 35 anos, amo academia, musculação, atividades físicas constantes e variadas. Sou comunicativo e sempre curti socializar e manter o bom humor, para assim viver cada dia intensamente. Sou casado e sem filhos.
Sempre curti manter meu físico firme e sarado, por orgulho, mas também para me sentir bem esteticamente e saudável.

Adoro transar em frente a um espelho grande e em variadas posições, e se tem algo que amo é chupar uma bucetinha lisinha e macia. Minha mulher sempre curtiu minha chupada, porém não apenas ela kkk.

E aqui posso desabafar sobre uma situação muito recente que ocorreu no condomínio que moramos.

Pois ultimamente tem feito muito calor, e com isso aproveito melhor a academia do condomínio e logo em seguida a piscina, onde me sinto a vontade ficando sempre apenas de sunga. E numa bela tarde de semana, não foi diferente. Como a minha mulher trabalha o dia inteiro durante a semana, eu fico em casa sozinho e sempre treino de tarde.

Eu sempre reparei que duas jovens garotas de 18 anos, frequentam a piscina do condomínio pela tarde. Elas tem um corpinho magro, empinadinhas, branquinhas além de lindas e como a academia é ao lado da piscina, sempre treinei de tarde para observar elas de perto.

E só de olhar fico muito excitado vendo elas usando sempre biquínis muito curtos e finos.

Sempre imaginei um dia poder falar com elas e quem sabe ter uma chance de tentar foder elas. Acontece que numa bela tarde de sexta-feira, ninguém tinha ido na piscina no início da tarde, eu estava como sempre na academia e observando, quando elas aparecem, elas não entraram na água, pois falaram que estava gelada. Foi aí que tive uma ideia.

Chupei bem gostosa a bucetinha das novinhas

Parei meu treino na hora, fui por uma sunga e desci. Olhei para elas e educadamente as cumprimentei, arrumei minhas coisas na espreguiçadeira um pouco perto delas e perguntei se elas já entraram na água e se estava gelada.

Elas responderam que não entraram pois estava muito gelada, então eu fui até a beira da piscina conferir.

Foi ai que disse que disse para elas, que estava numa temperatura boa e que estava muito calor.

E resolvi tentar fazer uma aposta com elas da seguinte forma:

-Garotas, posso saber seus nomes?

A de cabelos curtos: respondeu seu nome

A de cabelos compridos, respondeu também logo em seguida.

-Garotas quero fazer uma aposta com vocês…Se eu entrar nessa água supergelada, vou ter o direito de exigir algo de vocês ok?

Uma delas diz: Só se você mergulhar de cabeça!

A outra responde: Concordo com minha amiga!

Então sem pensar duas vezes, fui na chuveirada e logo em seguida, mergulhei com vontade na piscina.

Elas ficaram espantadas, ainda fiquei uns 5 minutos nadando e mergulhando e logo após, sai da água em direção a elas e disse:

-Agora eu vou cobrar a aposta ok?

Elas tímidas aceitaram. Então eu cheguei próximo das duas e disse o seguinte:

– Vocês já foram chupadas?

Uma responde: Nunca, mas já disseram que é gostoso.

– Garanto que sim, e adivinha o que eu quero?

A outra responde:  Só falar!

-Quero chupar vocês duas, pode ser separadamente ou as duas de uma vez, vocês escolhem.

Então elas conversaram e aceitaram a proposta.

Então primeiro a do cabelo curto, foi até o banheiro da piscina e logo em seguida discretamente eu fui atrás, chegando lá fechamos a porta eu falei para ela sentar na privada e abrir bem as pernas e me ajoelhei entre suas pernas e disse para ficar tranquila que seria gostoso.

Pois se tem algo que aprendi a apreciar é chupar uma bucetinha lisinha e macia, até a garota gozar ou pedir pra meter. Então ela muito tímida, abriu suas pernas, eu só precisei puxar para o lado seu biquíni fininho e começar a passar a língua e chupar delicadamente até ela ficar molhadinha, ela começou a gemer e relaxar, colocou a mão na minha cabeça pressionando contra a bucetinha dela, sinal de que ela estava adorando, eu apreciei cada momento, cada chupada na bucetinha daquela jovem, até que enfim ela começou a gozar e a mijar na minha boca, esguichou muito, foi surreal.

Após ela ter se molhado toda, ela me beijou e disse que tinha sido muito melhor do que imaginava. Então ela saiu e falou com a amiga dela rindo muito e apontou para o banheiro em que eu estava esperando a próxima bucetinha rosada.

Em seguida eu vi a garota que mais queria aproveitar, ela era a mais branquinha e estava rosa de vergonha. Eu disse para ficar tranquila que ia dar tudo certo.

Então ela sentou na privada, afastou as pernas e eu me posicionei, olhei para ela e disse que era ela quem eu queria e que eu desejava mais.

Ela sorriu e muito tímida disse:

-Eu só vim por causa da minha amiga, pois ela falou que foi muito gostoso e que eu também tinha que sentir isso.

Eu fiquei quieto e sorrindo, apenas puxei o biquíni dela de lado e comecei a passar a língua e beijar seu grelhinho.

Ela gemia e cada vez ficava mais rosada, e eu sentindo aquele gosto de bucetinha nova e delicada, cada vez mais eu chupava e lambia com vontade, uns dois minutos depois ela começou a tapar a sua boca com a mão, então eu disse para ela relaxar e se soltar, logo ela começou a esguichar seu mijo na minha cara e eu com muito tesão, encaixei a minha boca na sua bucetinha afim de engolir todo seu gostinho quente.

Após ela ter gozado, eu perguntei se ela tinha gostado?

-Foi incrível. Ela disse.

Fiquei muito satisfeito de ter finalmente realizado minha vontade com elas, e também por elas terem gostado e curtido a ponto de gozarem.

E claro, me deixei a disposição caso elas precisassem de uma boca insaciável para satisfazer elas novamente.

Enfim, de uma maneira discreta e sigilosa, aproveitamos de uma maneira espontânea e dinâmica, uma tarde na piscina do condomínio.



Contos relacionados

Deixe seu comentário

Ler Contos Eróticos Reais Grátis.
© 2011 - 2021 - Contos Eróticos – Top 10 Contos Eroticos – conto erotico (2020)

porno - contos eroticos - contos eróticos - quadrinhos eroticos - xvideos - Filmes Porno - Porno Brasileiro

error: