Contos Eróticos → Melhores Contos Eroticos Grátis (2024) » Contos verídicos » Comendo o cu do meu marido pela primeira vez

Comendo o cu do meu marido pela primeira vez

  • 13 de setembro de 2022
  • 85.474 views views
15 votes

Olá, me chamo Luciana e vim até aqui narrar a minha experiência como dominadora. Carrego esse fetiche há longos anos, já tive diversas tentativas frustradas, mas desta vez eu tenho pura convicção que finalmente dará certo. Sou casada com Cássio já fazem 15 anos, depois da minha gravidez e falta de tempo com o nascimento da nossa filha, muitas coisas mudaram entre nós. É comum que a relação venha a se desgastar pelas funções do dia a dia, casa, filhos, trabalho, sempre falta tempo e disposição para dar conta de uma vida sexual ativa. Amor em nossa relação nunca faltou, mas a cama esfriou, não é mais como antigamente. Temos uma família linda e queremos preservar o nosso relacionamento. Já sentamos para conversar buscando novas alternativas, como abrir a relação ou até mesmo uma novidade, como um ménage por exemplo, mas no fim saberíamos que não seria saudável, que não iríamos saber separar as coisas. Andei pesquisando na internet possibilidades de aventuras de casal, como um resgate íntimo mesmo, sem que envolva uma terceira pessoa. Me deparei com um cenário novo e acho que pode ser interessante para nos aproximar como homem e mulher novamente. Sempre tive vontade de experimentar muitas coisas, novos conceitos para ser uma novidade no meio de nós, encontrei algumas técnicas, brinquedos e fantasias, mas o que me chamou mais atenção de fato foi a possibilidade de inversão.

Geralmente os homens têm a masculinidade frágil, sem coragem para experimentar de forma mais ampla todo seu contexto de prazer, privando-se de um universo inimaginável de possibilidades. Decidi criar coragem e conversar com Cássio sobre o assunto. Na verdade não era inédito para mim a vontade de me sentir dominante na hora do sexo, de comer o meu marido. Por anos abafei esse desejo com medo de que a minha fala abalasse a nossa relação, mas eu sempre quis experimentar essa experiência e finalmente essa seria a minha oportunidade de declarar tudo isso. Esperei meu esposo chegar em casa, jantamos todos juntos como de costume, coloquei nossa filha para dormir e fomos nos deitar. Era um ritual nosso conversas por um tempo antes de dormir, neste bate papo sempre contávamos sobre a nossa rotina diária e isso nos mantinha próximos, então seria este o momento oportuno para falar a ele sobre a minha tão desafiadora ideia. Criei coragem, respirei fundo e joguei tudo no ventilador. Será que ele se sentiria confortável com o assunto? E se ele se ofendesse, o que eu faria? Ah, pouco importa, é melhor tentar fazer reviver a chama que já existiu entre nós.

Marido enrustido gosta de cintaralha grossa

 

Assim que comecei o assunto, percebi um leve incômodo no olhar de Cássio, minha real intenção era exclusivamente salvar o nosso casamento, pois sei que mesmo existindo amor, a parte carnal também é muito importante. Atento a todos os detalhes da conversa, ele me disse que só aceitaria com uma condição, que ele pudesse escolher a cintaralha. Tanto a resposta como sua aceitação sobre essa novidade, me deixou empolgada. Tudo isso era muito importante para mim, ou melhor, para nós. Também decidi comprar algumas coisas para apimentar o momento, resolvi investir em uma roupa bem sensual, que pudesse passar um ar de dominadora, comprei alguns brinquedinhos sexuais e levei meu esposo para escolher cinta que iria tirar sua virgindade anal. Resolvemos visitar o maior sexy shop da nossa cidade, visitamos todas as categorias, mas foi na sala lésbica que encontramos vários modelos de strapon. Cássio acabou optando por um tamanho médio e mais fino, na expectativa que com o passar do tempo nós pudéssemos brincar com um bem grosso. Várias fantasias flutuavam pela minha imaginação, só de pensar eu já ficava excitada e ele também, coisa que não nos acontecia há anos. Resolvi comprar um vibrador para que pudéssemos ousar ainda mais, fazendo uma dupla penetração. A empolgação do meu marido foi instantânea e isso me deixava muito feliz. Saímos animados e agendamos um jantar super romântico, para que logo após pudéssemos colocar nosso plano em prática. Escolhi a roupa mais bonita, passei o perfume que ele mais amava, joguei um sobretudo para que pudesse valorizar a lingerie predadora que eu havia escolhido. Naquela noite o meu esposo seria dominado por mim, chicoteado, acorrentado e sendo fodido pelo cu. Deixamos nossa filha com a babá e fomos jantar, esperando pela noite mais avassaladora que teríamos. Cássio era lindo, de fazer inveja em qualquer homem mais novo, estava super gostoso no auge dos seus 45 anos e isso me excitava ainda mais. Ele vestiu um terno que marcava propositalmente seu pau grande e eu já estava com água na boca, seca pelo fim do jantar, sedenta pela nossa noite no motel. Tudo correu como o esperado, uma clássica noite romântica de um casal que se ama, agora vamos para a segunda parte da noite, a minha hora de dar as cartas sexuais.

Metendo gostoso no cu cabeludo do safado

 

Naquela noite nós vivenciamos um misto de sedução, como se fosse nossa primeira transa. A vontade louca de morrer de prazer em seus braços era tudo o que eu mais desejava, fazer renascer o fogo, o desejo, a vontade, era tudo que nós dois merecíamos. Desde o primeiro beijo eu me apaixonei por Cássio, nós sempre tivemos uma ótima química e estar passando por essa crise me deixava um pouco aflita e abalada. Nestes dias decisivos para colocar o meu plano em prática, resolvi assistir vários vídeos sobre dominação, até mesmo filmes eróticos para me deixar mais a vontade e excitada, afinal eu queria chegar segura. Depois que tomei várias taças de vinho, pedi que ele nos levasse até o motel. Meu corpo já estava quente, eu sentia cada gota de vinho fazendo arder a minha buceta, louca para queimar o pau do meu marido neste fogo que escorria dentro de mim.

Chegando no motel, nossos olhos se entreolharam como o primeiro encontro, nossos lábios que engoliam o fôlego para tocar um do outro e nossas mãos que se aqueciam no toque seduzente do momento. Por baixo da minha roupa eu usava uma lingerie em couro com o corpo bem hidratado de um óleo perfumado que meu marido adora. Começamos masturbando um ao outro, até que eu engoli cada centímetro do seu pau com muita fome, o levando a loucura. Havia tempos que eu não chupava o seu cacete com tanta vontade. Vendei seus olhos, o coloquei de quatro, comecei dando beijos na sua bunda e lambendo seu saco por trás. Tudo era muito novo para nós, mas o êxtase que essa situação estava me causando, aguçava os meus sentidos. Aquele homem, naquela posição de submissão estava me levando a loucura. Abri bem a sua bunda e enfiei primeiro a minha língua em seu cuzinho, suas pernas tremiam e seu gemido tímido estava começando a acontecer. Enquanto minha língua trafegava pelo seu cu, minha mão punhetava o seu pau, todo melado tamanha excitação. Cássio não aguentou e começou a gemer mais forte de forma ofegante. Vesti e lubrifiquei e cintaralha, enfiando devagar sem que ficasse desconfortável. Para minha surpresa, meu marido me pediu para ser fodido com força, elevando assim todo o meu tesão. Comi ele de quatro, de lado, fiz ele quicar em cima do pau de plástico a noite toda. Aquela fantasia nos aproximou, trouxe vida a nossa cama. Depois de anos estamos renovados sexualmente. Comer o cuzinho do meu esposo, salvou meu casamento.

Contos relacionados

14 comentários para “Comendo o cu do meu marido pela primeira vez

  1. Baiano • 27 de outubro de 2022

    Nossa amei o seu conto. Eu tenho vontade de dar pra uma mulher me foder.

  2. Marcinha • 17 de dezembro de 2022

    hummmmm ,,,, quem sabe ,,,, nunca pensei nisso, mas fiquei com tesao

    • Zé • 8 de agosto de 2023

      Meu sonho

  3. Emilio • 28 de fevereiro de 2023

    Adorei o conto, nunca fiz assim,mais adoraria que fizessem isso comigo.

    • Safada • 16 de julho de 2023

      Adoraria enrabar um homem assim

      • David • 23 de julho de 2023

        Ola Tudo bem Tenho esse fetiche , sou casado sigiloso , discreto
        Me retorne por favor

      • CD • 28 de julho de 2023

        Oi. Vc faria isso comigo? Posso ser bem submissa e obediente a vc e nunca fiz nada do tipo. Estou criando coragem p realizar estas fantasias. Me responda please.

      • Silva • 31 de julho de 2023

        Minha esposa me come sempre e eu adoro sentir ela me arrombando, gozo gostoso.

      • Mário • 6 de outubro de 2023

        Podes me enrrabar a mim

  4. Done • 17 de junho de 2023

    Será que ele aceitaria um pau de 19cm de verdade comendo ele e ele te comendo ou ele de 4 levando rola te chupando em quanto era enrabado se quiser fazer

    • Cd • 28 de julho de 2023

      Eu adoraria que vc fizesse isso comigo. Mas tenho medo de não conseguir fazer, pois nunca fiz nada do tipo.

  5. Quero ser enrabado • 31 de julho de 2023

    Que atitude corajosa salvou o casamento e ganhou madeira… prazer na relação sem dúvidas foi excitante seu conto eu adoraria ser dominado por minha esposa tudo homem tem vontade de ser comido mas não tem coragem parabéns pela atitude

    • Luiz • 4 de janeiro de 2024

      Pois eu tenho coragem sou louco pra minha esposa me pega de 4! E ela não quer… Acha q é coisa de viado…
      Já mostrei vários relatos pra ela q é normal isso hoje em dia. Mais mesmo assim ela não quer me come…

  6. Gilberto • 20 de dezembro de 2023

    Oi safada se vc quiser posso ser seu.

Deixe seu comentário

Ler Contos Eróticos Reais Grátis. Quem tem prazer em ler contos eróticos de qualidade, certamente está no site pornô correto. Os melhores contos de sexo do Brasil. Existem diversas estórias de ficção, porém é possível ver muito conto erotico real. Temas sobre traição, corno, vizinha, primos, primas, incesto em geral. Todos os contos tem conteúdo apropriado para leitura. Sabemos que o tipo de usuário que possuímos é bem exigente por isso fazer a leitura dos contos eroticos levará a ter um prazer imenso, seja para bater aquela punheta ou siririca. Todos sabem que o conto erótico é uma narrativa que explora temas de sexualidade e desejo de forma literária. Geralmente, essas histórias buscam provocar excitação no leitor ao descrever encontros íntimos, fantasias ou situações sensuais e sexuais. A qualidade de um conto erótico está muitas vezes relacionada à habilidade do autor em criar personagens cativantes, desenvolver uma trama envolvente e utilizar uma linguagem que estimule os sentidos. E nisso, nosso site faz com maestria.
© 2011 - 2024 - Contos Eróticos → Melhores Contos Eroticos Grátis (2024)

Pornô - contos eroticos - contos eróticos - quadrinhos eroticos - Filmes Porno - Xvideos - Xvideos Porno - filme porno - Cnnamador - Xvideo - XXX - Videos Pornô