Sexo: Minha vida após o casamento

  • 17 de agosto de 2022
  • 9677 views
11 votes

Somos casados há dez anos, casei com vinte e um anos e meu marido com dezenove anos.
Quando começamos a namorar eu tinha vinte anos e meu marido dezoito anos, eu já não era mais virgem havia perdido a minha virgindade com o meu primeiro namorado e também havia me entregado ao segundo namorado. Quando conheci meu marido Luis achei que seria mais um passatempo, porem acabamos casando.
Nosso relacionamento depois de casados sempre foi muito bom, Luis sempre me deu a atenção que eu merecia mesmo sendo novo na idade já tinha a mentalidade de um homem mais velho, muito carinhoso e trabalhador.
Não temos filhos devido ao meu marido ser estéril, ninguém da família sabe, sempre alegamos que vamos esperar mais tempo para ter um filho.
Mas vamos ao relato que passarei a contar aqui para vocês.
Com passar dos anos deu uma esfriada em relação ao sexo entre nós, Luis já não me procurava mais todos os dias as vezes fazíamos sexo uma vez na semana e aquele sexo tipo papai e mamãe parecia que era por obrigação. Comecei a cobrar mais a presença dele na cama, mas, mesmo assim, estava difícil até que um certo dia o cobrei e queria saber o que estava acontecendo, pois não poderíamos viver daquela maneira nosso casamento estava muito frio.
Então Luis me respondeu!
— Sabe Marilia vou te falar a verdade, eu perdi o interesse em você porque você se veste como uma mulher velha não usa uma roupa mais sex., fica escondendo esse corpo seu.
— Como assim Luis, não estou te entendendo!
— Vou te dizer queria chegar em casa e vê você toda sex. para mim, usado um shortinho curtinho, uma blusinha decotada mostrando parte dos seus seios e da sua bunda, mas, não é o que eu vejo você é uma mulher que esconde o seu lindo corpo.
— Você quer que eu fique mostrando meu corpo para outros homens! É isso.
— Não Marilia não estou dizendo isso não quero que você saia andando mostrando a bunda e os seios para outros homens, simplesmente quero que você seja mais sex. aqui em casa.
— Meu Deus você está falando que eu pareço uma velha isso não é justo.
— Olha Marilia você é tão gostosa tem um corpo delicioso e fica escondendo isso, se solta mais mostra o que você tem de melhor vai fazer bem até para você.
— Você quer isso Luis, que eu fique sex. gostosa!
— Sim e como quero, você tem uma bucetinha tao deliciosa, uma bunda gostosa seus seios tão durinhos que mal há nisso. Faça uma depilação nas suas partes íntimas mostre como você é gostosa, fica poderosa.
— Está bem se isso que está atrapalhando nosso casamento vou mudar.
Naquela semana fui as compras e comprei umas roupas mais provocantes e comecei a usá-las em casa me depilei fiz como meu marido me pediu. Nosso relacionamento voltou a esquentar novamente meu marido quando chegava do serviço e me via vestida com blusinha decotada, shortinho curto ou saia curta ficava doido, logo queria fazer sexo comigo.
Com o passar do tempo me acostumei usar estas roupas mais provocantes, quando saiamos usava vestido curto e com um decote bem provocante, sempre chamando atenção das pessoas principalmente de homens. Percebi que meu marido gostava quando algum homem me olhava com um olhar diferente ou quando me paquerava, sentia que ele ficava muito excitado quando chegávamos em casa e íamos para cama fazer amor.
Um dia da semana Luis havia chegado do serviço e resolvi fazer um teste com ele e falei.
— Amor vou ter que ir padaria comprar café o nosso acabou, já logo estou de volta.
— Está bem amor vou te esperar.
Eu estava com uma saia curta que mal cobria minha popa da bunda tinha que ficar puxando-a para cobrir minha popa e uma blusinha bem decotada que mostrava metade dos meus seios. Fui a padaria e logo retornei. Ao chegar em casa disse ao meu marido.
— Nossa, amor esqueci de trocar de roupa quando percebi já estava na padaria você acredita.
— Os homens da rua devem ter ficado loucos te vendo assim né Marilia.
— Aí amor olha que você está falando nem olhei dos lados.
— Vai dizer que nem um homem te olhou vendo você assim vestida deste jeito.
— Não sei Luis vi uns homens me olhando, mas não dei atenção.
— Sei você deve ter deixando-os loucos de tesão com este corpinho qual homem não queria ter você.
— Já que você quer saber, sim teve um até que mexeu comigo dizendo que eu era muito gostosa. Mas não dei bola.
— Não te falei você é muito gostosa!
Meu marido estava sentado numa cadeira da cozinha cheguei perto dele e Levei minha mão ao seu pênis que estava completamente duro alisei e disse.
— Nossa que tesão é este, está durinho o que te deixou assim.
— Nada não posso ficar duro te vendo deste jeito gostosa provocante.
— Será, não foi por causa de eu te indo a padaria deste jeito e outros homens ficarem doidos por mim, fala a verdade.
— Aí amor já te falei é por tua causa.
Naquela noite meu marido estava mais aceso do que antes fizemos amor três vezes coisa que não acontecia a anos. Tive certeza que ele sentia tesão de outros homens me cobiçando.
Com o passar do tempo meu marido foi se soltando mais na cama, ficou mais aberto começou a dizer coisas mais sacanas para mim estávamos mais soltos na hora do sexo.
Até que uma noite estávamos na cama um acariciando outro, meu marido cheio de tesão começou a dizer coisas que até então nunca tinha ouvido da boca dele, fiquei somente ouvindo em silêncio, até que chegou a um ponto dele me dizer.
— Marilia preciso te confessar uma coisa.
— O que é amor que você tem para me falar.
— Você não vai ficar chateada.
— Não o que é?
— Sabe eu acho que você já deve ter percebido.
— Depende, o que é?
— Sabe é que eu tenho umas fantasias de te ver você com outro homem, sinto um grande tesão quando imagino você dando para outro. Você já deve ter percebido que eu sinto tesão quando outros homens te paqueram ou ficam te comendo de cima a baixo.
— Sim com certeza já percebi isso Luis, mas você teria coragem de me entregar a outro homem?
— Estou dizendo que é uma fantasia, não sei se teria coragem, mas sinto um enorme tesão quando imagino isso. Sabe acho que você não é mulher de um homem só, qualquer homem que te pegar, com certeza, vai apaixonar em você, principalmente sentindo esta bucetinha que você tem.
— Você está louco Luis, onde já se viu um homem casado senti tesão vendo sua mulher com outro. Acho bom pararmos por aqui esta conversa não está me agradando. Nunca me cederia para outro homem eu amo você, tira esse pensamento de sua cabeça.
— Sabia que você ia acha ruim Marilia, mas eu tenho esta fantasia e sinto o maior tesão em pensar nisso.
— Não quero mais ouvir esta conversa acho melhor pararmos por aqui Luis.
Neste momento Luis não disse mais nada apenas me acariciou e fizemos sexo sem ele dizer mais nenhuma palavra.
Passou o tempo e quando íamos fazer amor era um silêncio, fazíamos o que tinha para fazer e logo dormíamos, até que uma tarde saímos para caminhar e eu toquei no assunto se ele ainda tinha a fantasia de me ver com outro ou ele já tinha tirado isso da cabeça, então Luis me falou:
— Olha amor você pode até ficar chateada, mas ainda penso em tudo que te falei, sinto um tesão enorme quando penso em você com outro, adoro quando os homens te cobiçam e torno a te repeti qualquer homem que provar sua bucetinha vai ficar louco por você. Mulher como você não pode ser de um homem só.
— Luis você acha que sou tudo isso mesmo, tem certeza que se eu sair com outro vou deixá-lo louco por mim? Você está exagerando!
— Olha Marilia estou falando a verdade você é muito gostosa na cama, sua bucetinha é maravilhosa qualquer homem ficaria louco por você. Nossa você nem imagina como você é gostosa, sua buceta é tão macia convidativa, sabe agasalhar um pênis maravilhosamente bem. Você é uma putinha na cama.
— Sério Luis, você acha que sou tudo isso mesmo?
— Com certeza você é, se você fosse uma mulher que ganhasse a vida fazendo sexo ia ganhar muito dinheiro. Você tem o dom do sexo, sabe deixar um homem louco na cama, seu jeito de rebolar numa vara, de morder o pinto com sua buceta é demais, sua carinha de safada na hora que está metendo nossa você é demais.
— Luis você aceitaria ser corno e me entregar para outro, deixaria um outro homem ter sexo comigo?
— Olha amor é o que eu te falei, você não é mulher de um homem só.
— Luis e se eu me apaixonasse por ele ou vice-versa ele apaixonasse por mim. Como ficaria?
— Não sei meu amor é um risco que corremos.
— E você está disposto a correr este risco me entregando para outro homem. E seu gostar e querer sair com outros homens, você vai deixar?
Conversamos bastante sobre este assunto fazendo a nossa caminhada, confesso que fiquei até excitada, mas não quis mais ouvir esta conversa.
Passou o tempo e Luis não tocou mais no assunto mesmo na cama ele ficava quieto e eu comecei a senti falta, acho que de tanto eu cortar as conversas dele na cama, ele acabou por parar de falar sobre suas fantasias. Foi então que eu me descobri. Percebi que aquilo não dava tesão só nele, mas em mim também. Então, certa vez estávamos transando e ele comentou que eu estava com uma carinha especialmente safada naquela noite. Perguntou uma, duas, três vezes o que havia acontecido, até que eu criei coragem e perguntei:
— Você quer que eu fale que você é corno?
— Sério amor adoraria, fala que eu sou o teu corninho e você é minha putinha.
— Sou sua puta, sua vadia é isso que você quer, então serei meu corninho.
Aquela noite foi espetacular fizemos de tudo na cama, foi a primeira vez que deixei meu marido me enrabar dei minha bunda pra ele, deixei ele louco, na verdade fui uma puta na cama uma vadia.
O conto está ficando muito grande depois conto a continuação.
Este conto é verídico esta é a minha vida depois de casada.

*nomes fictícios 



Contos relacionados

1 comentário para “Sexo: Minha vida após o casamento

  1. joel • 1 de outubro de 2022

    Parabéns.. Nota máxima eu pratico mesmo …
    Aguardo a continuação

Deixe seu comentário

Ler Contos Eróticos Reais Grátis. Quem tem prazer em ler contos eróticos de qualidade, certamente está no site pornô correto. Os melhores contos de sexo do Brasil. Existem diversas estórias de ficção, porém é possível ver muito conto erotico real. Temas sobre traição, corno, vizinha, primos, primas, incesto em geral. Todos os contos tem conteúdo apropriado para leitura. Sabemos que o tipo de usuário que possuímos é bem exigente por isso fazer a leitura dos contos eroticos levará a ter um prazer imenso, seja para bater aquela punheta ou siririca.
© 2011 - 2022 - Contos Eróticos – Top 10 Contos Eroticos – conto erotico (2022)

porno - contos eroticos - contos eróticos - quadrinhos eroticos - xvideos -Filmes Porno - Xvideos HD - Xvideos - Porno